FESTA DOS VAQUEIROS

FESTA DOS VAQUEIROS
CONTAGEM REGRESSIVA!

quarta-feira, maio 24, 2017

BA 210 AGORA VAI? RUI COSTA ANUNCIA RECUPERAÇÃO DAS ESTRADAS BAIANAS.



Mais três mil quilômetros de estradas serão recuperados por meio de oito consórcios formados por 126 municípios baianos. Os contratos foram assinados, nesta quarta-feira (24), pelo governador Rui Costa e pelos presidentes dos consórcios, no auditório da Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), no Centro Administrativo da Bahia, em Salvador. Ao todo, somando parcerias que já estão em execução, são dez consórcios abrangendo 160 cidades.

De acordo com Rui Costa, o Governo decidiu investir neste modelo de consórcios por ser mais barato para os municípios. “Vamos seguir aquele ditado que diz ‘a união faz a força’. Nós já estamos avançados com os consórcios de saúde e agora pretendemos avançar com esses de infraestrutura. Queremos aumentar o número de máquinas nesse processo e contratar os consórcios também para realizar pequenas intervenções dentro das cidades, como reparo de asfalto, por exemplo. O custo desse modelo é muito menor e, por isso, podemos atender mais municípios e, consequentemente, beneficiar mais pessoas”, explicou o governador.

Os oito contratos firmados nesta quarta-feira são: Mata Atlântica; Chapada Forte; Território do Sisal; Território do São Francisco; Municípios do Oeste da Bahia; Alto Sertão; Bacia do Jacuípe; e Território de Irecê. Mais de 500 quilômetros de estradas já têm intervenções asseguradas pelo Governo por meio de parceria firmada com os consórcios Portal do Sertão (203,8 km) e Vale do Jiquiriçá (304,7 km), que juntos totalizam 34 municípios.

Resultado de imagem para ba 210

Na modalidade Multifinalitário, o consórcio poderá atuar em diversas áreas, como planejamento regional, saneamento básico, transporte urbano e intermunicipal, infraestrutura, turismo, trânsito, assistência social, educação, meio ambiente, entre outros.

Segundo o secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, os contratos para os serviços simplificados serão controlados por cada município, descentralizando as ações do Governo e agilizando o processo de conservação e manutenção das estradas na Bahia. “Nada melhor que os próprios gestores de cada cidade orientar e fazer o controle das obras que precisam ser feitas. Esse modelo adotado pelo Governo é uma ferramenta moderna que garante mais eficiência e menor custo na execução dos serviços de infraestrutura”.



Repórter: Raul Rodrigues
Grupo Jornalismo do Sertão

Nenhum comentário: