expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
""

TORNEIO NO MULUMGU

TORNEIO NO MULUMGU
DIA 28 DE SETEMBRO

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

LIGEIRINHAS LIGEIRINHAS.


SAIU DA LINHA, DESESPERO?
Lula e Dilma saíram da linha de fazer política da paz, e estão partindo pra cima de Marina sem pena e sem dor! Estão mostrando o que eles são realmente? Ai só você caro leitor, que deve analisar.

SITUAÇÃO VAI PARA O CAMPO.
Depois de muito tempo quietos, o grupo da situação começou a rodar pelo município. Estava causando estranheza a alguns do grupo da oposição, o silencio da situação. Mais já para outros já era esperado eles sempre agem nas duas ultimas semanas, pra desfazer o que a oposição já fez. É sempre assim, e ai oposição qual será a estratégia?

CRIME ELEITORAL?
Tem político por ai de mandado, que esta andando nas casas populares e anotando em sua agenda o que aquele eleitor esta precisando. Isso é crime eleitoral? É bom a justiça eleitoral ficar de olho nisso, e quem viu ou soube, denunciar.

PESQUISA?
Rolou um “zumzum” na cidade que teve uma pesquisa para prefeito governo e presidente, dentro do município de Chorrochó. Devido à pesquisa não ter sido registrada, não podemos comentar sobre o resultado para governo e presidente, mais o resultado não tem surpresa. Já para prefeito, a pesquisa deu sugestões de votos para quatro possíveis candidatos em 2016. Disseram que a mulher sem mandato estourou, o empresário ficou atrás dela, a outra mulher em seguida, mas, com alto índice de rejeição, e a senhora do distrito por último. Mais vocês sabem quem mandou fazer a pesquisa né? Então pensem ai e tire suas conclusões.

ONDE VÃO PARAR?
Toda semana que sai alguma matéria sobre possível corrupção ou outro tipo de deuncia na mídia, tem alguém do PT e PP envolvida a nível nacional ou estadual. E Mario Negromonte sempre tem seu nome citado, e agora seu filho o deputado estadual Mario Junior também foi citado. Tomara que o filho não siga o pai nesse caminho né! Mario Negromonte nos últimos anos vem sendo o político da Bahia mais falado negativamente, no meio político do Brasil. Mario é considerado o político baiano mais suspeito de corrupção na Bahia?

BARRA DO TARRACHIL.
Parece que a politica de tarrachil esta tomando outro destino! Novos nomes estão surgindo, gigantes da política tarrachiense estão de volta, parece que o eleitor da barra do tarrachil vai tomar um novo rumo nas eleições. Isso hoje, vamos ver no dia 5 de outubro. Muitos não acreditam que o eleitor da barra mude sua opinião, dizem que ai é um momento de raiva, o  resultado das eleições será o mesmo de sempre, será eleitor de Tarrachil?



SERÁ SE NA 158ª ELEITORAL AS LEIS ESTÃO SENDO RESPEITAS?


Afinal, o que pode e o que não pode?

O Tribunal Superior Eleitoral publicou a Resolução nº 23.370/2011, com as regras para a propaganda eleitoral nas eleições de 2012. Confira:

Propaganda em sede de partidos políticos
Aos partidos políticos e às coligações é permitido, independentemente de licença da autoridade pública e de pagamento de qualquer contribuição:
• Fazer inscrever, na fachada de suas sedes e dependências, o nome que os designe pela forma que melhor lhes parecer.
• Instalar e fazer funcionar, normalmente, das 8h às 22h até véspera da eleição, alto-falantes ou amplificadores de voz, assim como em veículos seus ou à sua disposição, em território nacional, com observância da legislação comum;
• Comercializar material de divulgação institucional, desde que não contenha nome e número de candidato, bem como cargo em disputa.

Propaganda na fachada do comitê
É assegurado aos partidos políticos e às coligações o direito de, independentemente de licença da autoridade pública e do pagamento de qualquer contribuição:
• Fazer inscrever, na fachada dos seus comitês e demais unidades, o nome que os designe, da coligação ou do candidato, respeitado o tamanho máximo de 4m².

Propaganda em recinto aberto ou fechado
• A realização de qualquer ato de propaganda partidária ou eleitoral, em recinto aberto ou fechado, não depende de licença da polícia.
• O candidato, o partido político ou a coligação que promover o ato fará a devida comunicação à autoridade policial com, no mínimo, 24 horas de antecedência, a fim de que esta lhe garanta, segundo a prioridade do aviso, o direito contra quem pretenda usar o local no mesmo dia e horário.
• A autoridade policial tomará as providências necessárias à garantia da realização do ato e ao funcionamento do tráfego e dos serviços públicos que o evento possa afetar.

Comício
• Pode ser realizado do dia 6 de julho até 48 horas antes da eleição.
• Pode ser utilizada aparelhagem de sonorização fixa e trio elétrico, desde que este permaneça parado durante o evento, servindo como mero suporte para divulgação de jingles e mensagens do candidato. Depois do evento, desligar e recolher.

Não pode:
• Showmício - realização de show ou evento assemelhado e apresentação, remunerada ou não, de artistas.
• Nas 48 horas antes e 24 horas após a eleição, inclusive comícios relâmpagos nas caminhadas, carreatas ou passeatas, com microfone para falar.
Bandeira está presa de forma ilegal em sinal de trânsito 
Bandeira está presa de forma ilegal em sinal de trânsito (Foto: Luna Markman/G1)
                                       (Foto: Luna Markman/G1)
Bandeira presa de forma ilegal em sinal de
trânsito.

Cavaletes, bonecos, cartazes e bandeiras móveis
• Podem ao longo das vias públicas, desde que não dificultem o bom andamento do trânsito de pessoas e veículos.
• Devem ser colocados e retirados diariamente, entre 6h e 22h.

Não podem nos seguintes locais:
• Postes de iluminação pública;
• Sinais de trânsito;
• Viadutos e pontes;
• Passarelas;
• Paradas de ônibus;
• Árvores e jardins;
• Madeiras que protegem as construções (tapumes);
• Orelhão
• Outros equipamentos urbanos.

Propagandas em bens que a população tem acesso
Não pode em:
• Cinemas, clubes, lojas, templos religiosos, ginásios, estádios e centros comerciais (comércio em geral, restaurantes, bancas de revista, etc), mesmo que sejam de propriedade particular.

Amplificadores, alto-falantes e carros de som
• Pode a partir do dia 6 de julho até a véspera das eleições, entre 8h e 22h, tanto na sede do partido, no comitê de campanha, em carros de som e bicicletas que fiquem circulando.

Não pode:
• A menos de 200 metros de sedes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário; quartéis, hospitais e casas de saúde; e escolas, bibliotecas públicas, igrejas e teatros, quando em funcionamento.
Adesivos
• São permitidos em carros particulares.
Caminhada, passeata e carreta
• Pode a partir do dia 6 de julho até as 22h da véspera das eleições.
• Também é permitido distribuição de material gráfico e uso de carro de som que transite pela cidade divulgando jingles ou mensagens de candidatos.

Não pode:
• Nas 48 horas antes e 24 horas após a eleição, a utilização dos microfones do evento para transformar o ato em comício.
• Além disso, as vedações sobre distância mínima de órgãos públicos são as mesmas para alto-falantes e amplificadores de som.

Camisetas, chaveiros, bonés, canetas e brindes
• Pode a venda pelos partidos políticos de material institucional, desde que não contenham nome ou número de candidato nem especificação de cargo em disputa.

Não pode:
• O candidato distribuir (ou mandar distribuir), confeccionar ou utilizar camisetas, bonés, chaveiros, canetas, cestas básicas ou qualquer outro tipo de brinde.
Mesmo muro tem mais de uma pintura por candidato 
Mesmo muro tem mais de uma pintura por candidato (Foto: Luna Markman/G1)
                                          (Foto: Luna Markman/G1)

Faixas, placas, cartazes, pinturas ou inscrições
•  Podem em bens particulares, independente de autorização da Justiça Eleitoral, observado o limite máximo de 4 m².
• Em muros só poderá ser colocada uma propaganda (pintura) de cada candidato ou uma placa de 4 m².

Não pode:
• A pintura no muro ou colocação de uma placa em propriedade particular não poderá ser paga. O proprietário do imóvel deverá ceder o espaço de forma gratuita.

Distribuição de folhetos, volantes e outros impressos
• Pode e não depende de licença municipal nem da Justiça Eleitoral.
• O candidato poderá colocar uma mesa em uma via pública (calçada) para distribuição de panfletos (santinhos).
• Todo material impresso deverá conter: CNPJ ou CPF do candidato; CNPJ da gráfica e quantidade de material impresso (tiragem).

Não pode:
• No dia da eleição é proibido a distribuição de qualquer tipo de material impresso

Outdoor e outbus
•  Não pode colocar cartazes em ônibus, táxis, vans (transporte alternativo), moto-táxis e veículos escolares.

Propaganda na véspera da eleição
• É permitido até as 22h caminhada, carreata, passeata, carro de som, desde que os microfones não sejam usados para transformar o ato em comício, distribuição de material gráfico, alto-falantes e amplificadores de som, nas sedes e dependências dos partidos políticos.

• É proibido, desde a antevéspera do dia da eleição, comícios, reuniões públicas, veiculação de qualquer propaganda política no rádio e na televisão e debates. Na carreata, passeata, usar alto-falante para comício relâmpago e não pode divulgação paga na imprensa escrita de propaganda eleitoral.

No dia da eleição
• Pode manifestação individual e silenciosa do eleitor, revelado pelo uso exclusivamente de bandeiras, broches, dísticos e adesivos.

Não pode:
• Carreata, caminhada, passeata, distribuição de material de impresso (panfletos, folhetos,
santinhos, etc.) e outros tipos de propaganda.
• Aglomeração de pessoas portando bandeiras, broches, dísticos, adesivos e flâmulas ou com roupas padronizadas, de modo a caracterizar manifestação coletiva, com ou sem utilização de
veículos.
• Arregimentação de eleitor ou propaganda de boca de urna.

Crime eleitoral
Constitui crime eleitoral o uso, na propaganda eleitoral, de símbolos, frases ou imagens, associadas ou semelhantes às empregadas por órgão de governo, empresa pública ou sociedade de economia mista. Também é crime divulgar, na propaganda, fatos que se sabem inverídicos, em relação a partidos ou a candidatos, capazes de exercerem influência perante o eleitorado.

Ainda é crime caluniar alguém na propaganda eleitoral ou visando a fins de propaganda, imputando-lhe falsamente fato definido como crime, difamar alguém na propaganda eleitoral ou visando a fins de propaganda, imputando-lhe fato ofensivo a sua reputação e injuriar alguém, na propaganda eleitoral ou visando a fins de propaganda, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.

A lei também prevê como crime eleitoral inutilizar, alterar ou perturbar meio de propaganda devidamente empregado, impedir o exercício de propaganda e utilizar organização comercial de vendas, distribuição de mercadorias, prêmios e sorteios para propaganda ou aliciamento de eleitores.


A lei proíbe fazer propaganda, qualquer que seja a sua forma, em língua estrangeira; dar, oferecer, prometer, solicitar ou receber, para si ou para outrem, dinheiro, dádiva ou qualquer outra vantagem, para obter ou dar voto e para conseguir ou prometer abstenção, ainda que a oferta não seja aceita.

Com informaçoes do G1

sábado, 20 de setembro de 2014

ESSA É A ELEIÇÃO MAIS SUJA DE TODA HISTORIA, DIZ VILLA. VEJA O VÍDEO E ENTENDA.

Nunca na história deste país houve uma eleição tão suja e com tantos golpes baixos. A opinião é do historiador Marco Antonio Villa. "O PT é um partido de parasitas do poder", diz o historiador. No "Aqui entre nós" de hoje, Joice Hasselmann fechou a semana com a análise da corrida eleitoral e com os números do Datafolha.


RUI COSTA(PT) ENVOLVIDO EM SUPOSTO ESQUEMA DE DESVIO DE FUNDOS DE COMBATE A POBREZA NA BAHIA.


Acusado pela dona da ONG Instituto Brasil, Dalva Sele, de ser um dos beneficiários de um esquema de desvio de dinheiro público de R$ 50 milhões para campanhas petistas, o candidato do PT ao governo da Bahia, Rui Costa, prometeu nesta sexta-feira, 19, processar a denunciante e a revista Veja, que fez reportagem com base nas declarações de Dalva. A denúncia é feita a 15 dias das eleições.

"Envolver meu nome neste assunto faz parte de uma estratégia leviana e suja. Agora, eu quero que provem o meu envolvimento neste caso. É um desafio", afirmou Rui, por meio de nota. Segundo ele, seus adversários políticos querem "usar uma revista aliada para repercutir no horário eleitoral gratuito".

Já a promotora Rita Tourinho, do Ministério Público da Bahia, informou que Dalva será convocada neste domingo, 21, para depor. "Vamos ouvi-la o mais cedo possível, diante da urgência do caso, para ver se ela vai repetir o que disse à revista", afirmou.

De acordo com a publicação, a ONG, contratada pelo governo da Bahia para a construção de 1.120 casas populares, teria desviado somente em 2008 mais de R$ 6 milhões do Fundo de Combate à Pobreza para campanhas eleitorais do PT.

Entre os supostos beneficiados, estariam, além de Rui, o senador Walter Pinheiro, os deputados federais Nelson Pelegrino e Afonso Florence além do ex-deputado federal Zezéu Ribeiro, atualmente conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Alguns dos citados já se falaram por telefone e articulam uma reunião para discutir as medidas a serem adotadas, segundo Florence. O encontro pode acontecer ainda este final de semana, em Salvador.

O governador Jaques Wagner não foi acusado por Dalva, mas ela declarou considerar "impossível" que ele não soubesse do que se passava. Por meio de sua assessoria, Wagner disse que qualquer irregularidade no âmbito do governo será apurada com rigor.

"Esse assunto está no âmbito da Justiça e o que eu espero é que caso se comprove alguma ilicitude ou ato de improbidade que sejam punidos os responsáveis", declarou o governador.

Em 2012, o MP entrou com uma ação civil pública, acionando a presidente da ONG e outras seis pessoas, entre elas Lêda Oliveira - mencionada pela revista como participante do esquema - além do Instituto Brasil e da Conbec Engenharia. Em agosto daquele ano, foi deferida liminar determinando a indisponibilidade de bens de todos os acionados.

Na época, porém, não foi detectado nenhum beneficiamento de políticos, embora testemunhas tenham dito ao MP que isso acontecera. A ação tramita na 7ª Vara da Fazenda Pública de Salvador.

Na última quinta-feira, 18, a juíza Patrícia Cerqueira determinou que se certifique se foram expedidos os ofícios de indisponibilidade dos bens, por não encontrar "informação se houve bloqueio de valores em dinheiro".

Outro lado

O deputado Afonso Florence, então secretário de Desenvolvimento Urbano quando firmado o contrato com a ONG, nega ter recebido dinheiro de Dalva. "Essas novas acusações, a 15 dias da eleição, com versões que não apareceram na época da investigação do MP são muito estranhas", afirmou.

O argumento é compartilhado por Pelegrino e Pinheiro, que prometeram processar Dalva e a revista. "Desafio a ela dizer que dinheiro deu para a minha campanha", declarou Pelegrino, que ainda disse ter aconselhado à sua irmã que deixasse de trabalhar no instituto, "há mais de 10 anos", por saber de "coisas" que aconteciam. Questionado a que se referia, não especificou.

"Isso eu vou discutir na Justiça. Só faço denúncias que tenho condições de provar", completou. Pinheiro, por sua vez, classificou de levianas as acusações de Dalva, que afirmou que a mulher e nora do petista "buscavam o dinheiro" com ela.

"Outra inverdade é a citação de parentes. Eu jamais recebi recursos dessa 'picaretagem' que ela mesma afirma ter coordenado", declarou o senador, por meio de nota.


Zezéu disse que esteve três ou quatro vezes na ONG, mas apenas para discutir política habitacional. Ele afirmou que estava na estrada e não poderia comentar nada por não ter lindo ainda a matéria da revista.

Fonte: Atarde online

MARIO NEGROMONTE JUNIOR E OUTROS DEPUTADOS SÃO DEVEM PRESTAR ESCLARECIMENTO AO PROCURADORIA REGIONAL ELEITORAL

TRE determina que deputados baianos expliquem aumento de gastos

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) determinou que a Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (AL-BA) forneça à Procuradoria Regional Eleitoral (PRE-BA), em 48 horas, informações sobre o aumento de gastos de seis deputados com “divulgação da atividade parlamentar”. A decisão foi tomada a pedido da PRE, após o órgão identificar que os valores solicitados em junho deste ano, quando comparado ao mesmo período de 2012. Segundo a procuradoria, as informações foram solicitadas há mais de 30 dias, depois da publicação da matéria do Bahia Notícias com o título “Candidatos a deputado federal aumentam em até 966% despesas na Assembleia”. A AL-BA não teria respondido, além de ter, supostamente, suprimido os dados sobre o quesito no site da assembleia. A PRE pediu que os deputados Mário Negromonte Junior (PP), Paulo Azi (DEM), Elmar Nascimento (DEM), João Carlos Bacelar (PTN) e Ronaldo Carletto (PP), e o então deputado Capitão Tadeu (PSB), comprovassem as despesas do período. O presidente do Legislativo, Marcelo Nilo (PDT), chegou a responder que determinaria a reunião de processos administrativos para atender ao pedido, mas não respondeu. Segundo a PRE, mesmo que não fosse uma demanda do Ministério Público, a prestação de informações deveria ser feita de forma imediata até, no máximo, 30 dias.

Fonte: Bahia Noticias

O IBGE QUIZ AJUDAR A CAMPANHA DE DILMA COM INFORMAÇÕES ERRADAS? NA POLITICA TEM DE TUDO. POR ISSO QUE MUITOS DIZEM QUE QUEREM MORAR NO BRASIL DA PROPAGANDA DO PT?


Os erros na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), anunciados na tarde desta sexta-feira (19), podem levar à saída da presidente do IBGE, Wasmália Bivar, responsável pelo levantamento. Na avaliação de interlocutores do governo, a presidente do instituto de pesquisa perdeu as condições de permanecer no cargo, embora não tenha sido anunciada nenhuma decisão oficial sobre o seu afastamento. A presidente Dilma Rousseff foi informada sobre os erros na Pnad e também da necessidade de revisão na coleta dos dados pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior, antes de viajar ao Rio, onde fez campanha eleitoral. A presidente ficou muito contrariada, segundo auxiliares, e determinou a abertura de uma comissão interministerial para investigar o caso e descobrir os responsáveis pela situação, definida por ela como "inaceitável". A Casa Civil será a encarregada de fazer a investigação. Na quinta-feira, o governo havia comemorado os dados anunciados e Dilma fizera questão de destacá-los, ponto por ponto, no Palácio da Alvorada, amenizando a piora no indicador de desigualdade de renda. Os problemas na Pnad mobilizaram o governo. Além de Miriam Belchior, mais três ministros foram convocados por Dilma a dar mais explicações sobre o caso, em entrevista à imprensa neste sábado (20). Em conversas reservadas, integrantes da campanha de Dilma manifestaram receio de que a correção na Pnad acabe virando um caso como a "errata" do programa de governo da candidata do PSB, Marina Silva, até hoje alvo de críticas do PT por ter corrigido pontos de sua plataforma eleitoral. O Planalto e o comitê da reeleição farão de tudo para evitar que a troca dos números seja usada pelos adversários de Dilma para desgastar a gestão do governo. A ministra do Planejamento Miriam Belchior disse que o governo ficou chocado com o erro. "Estamos tentando entender o que ocorreu e tomaremos medidas. Apuraremos se será necessária medida disciplinar contra responsáveis", garantiu Miriam. "Lamentavelmente, o procedimento de checagem e rechecagem não funcionou. Acho que houve uma falta de cuidado no procedimento básico", admitiu a ministra. (Colaboraram Nivaldo Souza e Victor Martins) 
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

CARRO PIPA DO PAC QUE DEVERIA ESTA AJUDANDO NO COMBATE A SECA, ESTA MOLHANDO GRAMA!


A Prefeita Municipal Chorrochó está utilizando o carro pipa que o município recebeu do (PAC 2) para o abastecimento de água potável na zona rural, e destinou o veículo para molhar a grama da entrada da cidade. Isso é simplesmente um absurdo. Enquanto isso o povo do interior principalmente dos povoados de Caraíbas e Várzea a Ema sofrem com a falta de água, pois o abastecimento com os carros pipas do exercito não estão dando conta. Nos povoados citados não há relatos dos cidadãos que o caminhão pipa do pac faz abastecimentos de água nas localidades.




"A Prefeita do município de Chorrochó, Rita Campos (PP) recebeu na manhã deste sábado (1/02) um caminhão caçamba e um caminhão pipa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2),  para auxiliar no abastecimento d´água do município.

Para a prefeita de Chorrochó Rita Campos, esta foi mais uma grande conquista para o município, pois vai ajudar a população a superar as dificuldades causadas pela estiagem.
“É com muita satisfação que estamos recebendo esse caminhão pipa para o nosso município Chorrochoense, pois será muito útil no abastecimento d’água para nossa população.”
Através do Programa de Aceleração e Crescimento (PAC 2), do Governo Federal,o município de Chorrochó foi contemplada com um caminhão Pipa. O veículo, zero quilômetro, tem capacidade para 12 mil litros de água e será usado no abastecimento da zona rural do município.
O caminhão vem equipado com sistema próprio de abastecimento, onde não precisa usar energia elétrica externa para ligar a bomba. Outra vantagem é a diminuição de emissão de dióxido de carbono. O sistema controla a saída do gás, diminuindo em até 40% os danos ao meio ambiente." 
Materia do dia 01/02/2014 no site oficial da Prefeitura do municipio.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

CHORROCHÓ: IDEB, FACEC E FAECO PARABENIZAM OS APROVADOS NO PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS: SERVIÇO SOCIAL, ADMINISTRAÇÃO E PEDAGOGIA.

 
IDEB, FACEC e FAECO parabenizam os aprovados no processo seletivo realizado em Chorrochó dos cursos de Serviço Social, Administração e Pedagogia, e ao mesmo tempo comunicam que já estão abertas as matriculas. E informa a todos que a data da aula inaugural será na Câmara Municipal de Vereadores de Chorrochó-Bahia, e terá inicio às 19h00min no dia 18 de setembro do ano em curso.

Mais informações: Entrar em contato com Fernanda de Valdo (75) 99455842


Confira a classificação dos aprovados nos cursos:

SERVIÇO SOCIAL:

1º Giselle Patrícia R. costa
2º Luana de Sá Souza
3º Lázaro Alves Pereira
4º Débora Cristina Silva Menezes
5º Clériston José R. Alves
6º Leyliane Gomes de Souza
7º Adriana Bahia da Silva
8º Josineide dos Santos Barbosa
9º Jaqueline Alexandrina da C. Campos
10º Fernanda Santos da Silva
11º Fábia Pereira dos Santos
12º Maria Alves Belchior
13º Edilene Alves dos Santos
14º Géssica Cristina Santos Lima
15º Mário Darlie Pires Sertão Lima
16º Danielma Andrade Alves
17º Juliana dos Santos Taratá
18º Daise Michelle Gonçalves Santos
19º Rosicleide do Nascimento
20º Maria Dantas Rodriguês
21º Amanda R. dos Santos Barros
22º Edvalma Dias de Barros
23º Evaneide Alves Pretendente Carvalho
24º Jocilene Ribeiro dos Santos Conceição
25º Girlane Régia Novais dos Santos Maia
26º Ana Maria Dantas Rodriguês
27º Erickson Henrique Damasceno do Vale


ADMINISTRAÇÃO:

1º José Alves da Silva
2º João Paulo Oliveira
3º Elizangela Alves Moura
4º Marlane do E. Santos Gomes
5º Arislane Pereira dos Santos
6º Edson da silva Santos
7º Matheus Henrique dos Santos
8º Ednalva do Nascimento Pinheiro
9º Hilton César de Araújo Damasceno
10º Barbara Bahia de Oliveira Fernandes
11º Daniela Gomes Maia
12º Jailton Dantas Barbalho
13º Nailza Ribeiro do Nascimento
14º Samuel Alves Teixeira
15º Robson Luiz Alves Barbosa
16º Jeferson Sirlânio Damasceno Teixeira
17º Euclides Alves Machado


PEDAGOGIA:

1º Josete Ribeiro Lima Alves
2º Ana Paula da Cruz Silva
3º Rosineide da Silva Nascimento
4º Laura Grazielle B. da Silva Firmino
5º Jéssica Luiza do Nascimento
6º Maria Aparecida da Cruz Silva
7º Karen Grasielle Maciel da Silva
8º Eliane silva Miranda
9º Marleide Rodrigues Santos
10º Jilcélia Andrade da Silva Carvalho
11º Edila Fernanda Ribeiro
12º Arlene Ribeiro da Silva
13º Dilson Toledo dos Santos
14º Maria da Conceição do Nascimento Andrade
15º Flávia Alves dos Santos
16º Nátalia Nairine V. dos Santos
17º Eurides Santos Maciel Vieira
18º Adriana Dias dos Santos Balbino
19º Rita de Cássia Ferreira dos Santos
20º Marineide Rodriguês dos Santos
21º Laiane Gomes Barbosa
22º Jivoneide Gomes da Silva
23º Ane Soraya Alves dos Santos
24º Josivaldo do Nascimento Santos
25º Rita de Cássia Alves Damasceno
26º Ilza Soares do Nascimento
27º Maria Aparecida Alves de Araújo
28º Eliane Gomes da Silva
29º Jucileide da Silva
30º Joana Darck Barbosa da Silva
31º Cristina Lopes Ribeiro Barbosa
32º Lucineide Alves Rodrigues Araújo
33º Douralice Barbosa Maciel

Fonte: www.chorrochoonline.com



ATIVISTAS DIGITAIS DO SERTÃO BAIANO SE ENCONTRARAM NESSE SÁBADO COM O DIRETOR DA ABLOGPE EM CHORROCHÓ-BAHIA


Neste sábado, 13/09, na Cidade de Chorrochó, Sertão da Bahia, blogueiros e demais comunicadores estiveram reunidos pela primeira vez. Com a participação do convidado Claúdio André diretor-executivo da AblogPE, os Ativistas digitais conheceram como funciona a primeira e única associação de blogueiros do país. AblogPE que foi criada em 2010, tem hoje quatro anos de existência, com 526 associados podendo atingir dois milhões de acesso em uma única matéria, ultimamente entrevistaram os candidatos a governo do Pernambuco. 
Um dos principais objetivos do encontro além das orientações para a formação da associação foram orientações de como trabalhar melhor as ferramentas do blog, como fazer cadastramento e ganhar em dólar com anúncios do Google, como analisar os números de acesso de site, blog saber de qual estado e cidade você esta tendo mais acesso. Dicas sobre trabalhos em rede, e valorização dos profissionais. Após esse importante passo os Blogueiros aguardam a próxima reunião com uma possibilidade de visitar a sede da Ablog-PE em Recife ou a participação em um encontro nacional. O primeiro passo foi dado, esse intercâmbio permitirá termos mais contato com os dirigentes da Ablog-PE isso contribuirá muito para o desenvolvimento das atividades digitais em nossa região e ao mesmo tempo levaremos o nome e as tradições e história de nossa cidade para outras regiões.


Agradecimentos: José Nilson (Nilsinho), Josiel Calazans (Juju), Silvandy Costa (Bady)

Fonte: Chorrochoonline

GRITO E VAIS FORAM O TOM DA FESTA DANÇANTE DOS 60 ANOS DE CHORROCHO.


Por muito pouco, a festa em comemoração a festa de emancipação política de Chorrochó-BA, não acontece.

No ultimo sábado 13, a festa que aconteceu no clube CRC com Marcelo Silva e banda, em comemoração aos 60 anos de Chorrocho, festa esta promovida pele Prefeitura do município quase vira um fisco! Segundo informações a banda não queria subir no palco enquanto não houvesse o pagamento, pagamento esse, que seria feito pela Prefeitura. No momento muitas vais e gritos foram os tons tocados em quanto o cantor Marcelo silva e sua banda aguardavam o pagamento no hotel e no ônibus.

 O proprietário do clube, para não deixar o publico na mão,teve que “se virar” para conseguir fazer o pagamento da banda, que não era de sua responsabilidade, e sim da prefeitura. A prefeita do município, segundo nos informaram, estava participando de um comício na cidade de Paulo Afonso e não teria deixando a dinheiro para fazer o pagamento da banda.

Por fim, depois de mais de duas horas de atraso, onde muitas pessoas já tinha saído do clube,foi conseguido o dinheiro ou feito algum acordo com a banda. Então Marcelo silva subiu no palco e deu inicio ao show, por volta de 2h20m da madrugada. 

Aguardem mais informações sobre a festa de emancipação politica de Chorrochó em outra matéria

RESULTADO DE ENQUETES.


Nos últimos dias o blog fez duas enquetes perguntando aos internautas qual a preferência de candidatos a deputados referente aos grupos políticos de Chorrochó, e qual foi a melhor administração entre Humberto e Rita campos, vamos aos resultados:

Ouve praticamente um empate técnico, com diferença de dois votos entre os candidatos da situação e da Oposição. Nos candidatos apoiados por nenhum grupo político, teve uma boa aceitação, e para quem vai votar em nenhum candidato apoiado por ninguém de Chorrocho, teve apenas 6%. Vamos aguarda o dia 5 de outubro para ver se a enquete do blog chegou perto do resultado geral das eleições e das intenções de votos dos eleitores de Chorrrochó.

ELEIÇÕES 2014-Você pretende votar nos candidatos de que grupo político de Chorrochó?

Nos candidatos do grupo da SITUAÇÃO.
  17 (38%)

Nos candidatos do grupo da OPOSIÇÃO.
  14 (31%)

Nos candidatos de outras pessoas.
  10 (22%)

Em nenhum candidato apoiado por políticos de Chorrochó.
  3 (6%)


Na outra enquete questionamos aos internautas, qual a melhor administração entre o ex-prefeito Humberto Gomes e a atual Prefeita Rita Campos, ambos do mesmo grupo. Humberto ficou uma larga vantagem sobre Rita Campos, veja o resultado.

OS QUASE TRÊS ANOS DO GOVERNO RITA CAMPOS E OS OITO ANOS DE GOV. DE HUMBERTO QUEM ADM. MELHOR?

HUMBERTO GOMES
  28 (68%)

RITA CAMPOS
  13 (31%)


É bom lembrar, que Rita ainda não terminou seu mandado, ela tem ainda o resto de 2014, 2015 e 2016 para governar o município, caso não haja alguma intervenção judicial como ouve contra Humberto, onde o mesmo não terminou seu segundo mandado.