FESTA DOS VAQUEIROS

FESTA DOS VAQUEIROS
FESTA DOS VAQUEIROS CHORROCHO-BA

sexta-feira, maio 22, 2015

HOSPITAL DE PAULO AFONSO-BA TERÁ 20 NOVAS UTI.


Ampliar os serviços de saúde no município de Paulo Afonso e região, com a inclusão de 20 novos leitos de UTI, e garantir a manutenção do curso de medicina da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), são alguns dos objetivos da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). Nesta sexta-feira (22), o secretário Fábio Vilas-Boas visita o Hospital Nair Alves de Souza (HNAS).

A proposta em andamento da Sesab é viabilizar a transferência do HNAS, que atualmente é administrado pela Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), para a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), órgão ligado ao Ministério da Educação, a fim de torná-lo uma unidade universitária.

A visita 'in loco' junto com a presidente da Ebserh, Jeane Michel, e representantes da prefeitura de Paulo Afonso e da Chesf, busca dar celeridade à assinatura de um protocolo de transferência a ser firmado nos próximos meses.

No cronograma desenhado, a transferência completa será realizada em três anos e por fases. Em 2016, a Chesf continuaria como responsável pela manutenção e recursos humanos. Em 2017, parte dos recursos humanos será da Ebserh, enquanto a Chesf mantém o pagamento da manutenção e a outra parte dos funcionários. Em 2018, a Ebserh será responsável por todo quadro funcional, reduzindo às obrigações da Chesf a manutenção.

Além disso, a partir do quarto ano, a Sesab passará a ser o provedor das despesas hospitalares em detrimento da Chesf. ‘Gradativamente serão instalados 20 leitos de UTI Adulto e UTI Neonatal’, afirma Fábio Vilas-Boas, ressaltando ainda a importância das emendas parlamentares no fortalecimento da iniciativa. “Já temos R$ 3 milhões de emendas individuais, mas isso deve, no mínimo, dobrar até o final do ano”. Também estarão presentes na visita o secretário estadual de Relações Institucionais, Josias Gomes, e o prefeito de Paulo Afonso, Anilton Pereira

Fonte: secom.GOV.

Nenhum comentário: