FESTA DOS VAQUEIROS

FESTA DOS VAQUEIROS
FESTA DOS VAQUEIROS CHORROCHO-BA

terça-feira, novembro 24, 2015

TOPA ALFABETIZA AGRICULTORES FAMILIARES REMANESCENTES DE QUILOMBOLAS


A educação está transformando a vida de 200 agricultores familiares remanescentes de quilombolas, em Lagoinha, distrito do município de Nova Canaã, no Sudoeste baiano. Eles integram as turmas do Todos Pela Alfabetização (Topa), programa do Governo do Estado que, em parceria com o Ministério da Educação (MEC), já alfabetizou 1 milhão e 300 mil baianos acima de 15 anos, adultos e idosos, garantindo, assim, o direito dessas pessoas. O Topa já matriculou, aproximadamente, 11 mil remanescentes de quilombo, em todo o Estado.

Em Lagoinha, o trabalho do Topa conta com a parceria da Associação dos Agricultores Familiares Remanescentes de Quilombolas de Lagoinha. “Em Lagoinha, estamos alfabetizando pessoas que nunca tiveram a oportunidade de aprender a ler e a escrever durante sua trajetória de vida e, agora, vão ao banco fazer as transações de renovação de crédito para a lavoura como cidadãos de verdade. Mais do que isso, estamos realizando nas nossas 25 turmas um trabalho de resgate e valorização da história das tradições quilombolas”, declara Romilce Rodrigues, que, além de representar a Associação, é coordenadora do Topa em Lagoinha.


Programa Topa – Desde 2007, quando o Todos Pela Alfabetização (Topa) foi iniciado, mais de um milhão de baianos já aprenderam a ler e a escrever através do programa. Este ano, em toda a Bahia, 98 mil pessoas estão sendo alfabetizadas pelo programa, que beneficia pessoas historicamente excluídas do processo educacional. Respeitando a diversidade e valorizando o povo mais humilde, o programa tem beneficiado pescadores, quilombolas, pessoas da terceira idade e portadores de necessidades especiais, como deficiência visual e auditiva, entre outras comunidades.

Fonte: Ascom/sec. Educação

Nenhum comentário: