FESTA DOS VAQUEIROS

FESTA DOS VAQUEIROS
FESTA DOS VAQUEIROS CHORROCHO-BA

terça-feira, novembro 26, 2013

CABROBÓ PODE SER O PRIMEIRO MUNICÍPIO BRASILEIRO A RECEBER USINA DE ENERGIA SOLAR DE GRANDE PORTE

Representantes da Solatio energia – empresa especializada no gerenciamento de projetos – estiveram reunidos nesta segunda-feira (25) com o prefeito de Cabrobó (PE), Dr.Auricélio Torres. O encontro foi para tratar sobre a possibilidade de instalação de duas usinas de energia solar no município do Sertão do São Francisco.

Durante a reunião, o sócio-diretor da Solatio, Edson Genari, explicou as vantagens da nova tecnologia e o porquê da escolha pelo município. “Escolhemos Cabrobó pela radiação. É uma região que apresenta níveis que atendem à produção de energia. Já tivemos autorização da Celpe para injetar energia aqui na subestação de Cabrobó, que é capaz de receber uma grande quantidade de energia”, detalhou.

foto (2)

O projeto, que participa de um leilão promovido pelo Estado em dezembro, possui orçamento de cerca de R$ 300 milhões. Caso venha a ser aprovado, deverá produzir energia já a partir de 2015. Segundo Dr.Auricélio, a novidade pode trazer reconhecimento ao município. “É uma energia com fonte renovável e o município poderá até angariar um título de reconhecimento de ‘município verde’. Além disso, também haverá geração de emprego e renda. Então vamos torcer para que este projeto seja aprovado e traga progresso a Cabrobó”, disse.

Edson explica ainda que este é o primeiro grande projeto existente em todo Brasil e que a energia produzida em Cabrobó poderá ser distribuída em diferentes regiões. “Estas seriam as duas primeiras grandes usinas do Brasil. Existe um projeto-piloto no Ceará, mas possui um tamanho bem inferior ao de Cabrobó. Depois que estivermos produzindo energia, ela será lançada na rede. O Brasil todo possui um rede de energia interligada, então esta energia produzida aqui em Cabrobó poderá ser consumida aqui no entorno ou distribuída para outras cidades. Isto será definido pela concessionária elétrica”, detalhou.

Fonte;Carlos Britto


Nenhum comentário: